Conecte-se conosco

MG

Rubens Menin quer negociar ações do Atlético na bolsa de valores

Filipe Andrade

Publicado

em

Rubens Menin quer negociar ações do Atlético na bolsa de valores

O empresário belo-horizontino Rubens Menin, proprietário da construtora MRV (MRVE3), do Banco Inter (INBR32) e do controle da SAF do Atlético, almeja colocar seu clube de futebol na Bolsa de Valores B3.

Nesse sentido, para alcançar esse objetivo, Menin planeja a negociação das ações do clube no mercado de ações, possibilitando que qualquer brasileiro se torne acionista do Galo, podendo comprar e vender suas participações.

Ainda mais, a revelação foi feita em entrevista à Revista Veja, divulgada em dezembro de 2023. Do mesmo modo, além de discorrer sobre seus empreendimentos, como MRV, Banco Inter e CNN Brasil, Menin compartilhou seu desejo de realizar um IPO para o Galo:

“Meu grande sonho é que a SAF seja tão eficiente que possamos abrir o capital. O Atlético só será a potência que desejamos se ele tiver uma boa estrutura de capital. A SAF foi só o primeiro passo. Queremos eficiência e lucro operacional para um dia o Atlético ir à bolsa de valores”, esclareceu.

Rubens Menin comenta sua participação no futebol do Atlético

Em relação ao futebol do Atlético, Menin assegura que não interfere, deixando tudo nas mãos da equipe profissional:

“Eu não abro mão de ver jogo com a minha família, mas a SAF é profissional. Temos uma divisão de gestão financeiro-administrativa e outra que cuida do futebol. Eu não participo de nada disso. Eu procuro não dar palpite até para não atrapalhar.”

Com essa visão estratégica, Rubens Menin busca não apenas fortalecer o Atlético como potência esportiva, mas também consolidar sua presença no mercado financeiro, abrindo oportunidades para que os torcedores se tornem parte ativa no sucesso do clube.

Aquisições reduzem fortuna do bilionário mineiro

Com o lançamento da sua edição anual de bilionários, a revista Forbes elencou alguns velhos e novos nomes à lista. Entretanto, dentre os nomes na lista, o bilionário de Minas Gerais, Rubens Menin Teixeira, se destacou com uma queda brusca de U$ 1 bi, quase saindo do ranking esse ano. O que motivou essa queda no patrimônio do diretor da MRV Engenharia (MRVE3)? Confira a seguir!

Continue lendo