Conecte-se conosco

Ações

Marisa surpreende: 91 lojas fechadas abalam o mercado

Filipe Andrade

Publicado

em

Marisa surpreende: 91 lojas fechadas abalam o mercado

A Marisa (AMAR3) decidiu fechar 91 lojas como parte do plano de recuperação da empresa. Essa medida tem como objetivo melhorar a geração de caixa e a rentabilidade da empresa, de acordo com a administração. Essas unidades estão sendo consideradas deficitárias.

A empresa já fechou 25 lojas entre março e abril e pretende encerrar outras 26 ao longo de maio. Nesse sentido, o anúncio foi informado em uma mensagem aos acionistas.

É possível conquistar sua liberdade financeira em até 5 anos? Baixe nossa planilha gratuita e simule o que você precisa fazer para viver apenas do seus investimentosClique aqui e comece a transformar sua vida financeira hoje mesmo!

Marisa negocia com dívidas

Além disso, a Marisa renegociou suas dívidas com 90% dos fornecedores e 65% dos proprietários de imóveis. Segundo o balanço do primeiro trimestre, a varejista possui uma dívida líquida de aproximadamente R$ 461 milhões.

Dentre os fatores citados pela empresa para justificar as medidas de recuperação estão o cenário macroeconômico desfavorável. Ainda mais, é citado as importações ilegais sem pagamento de impostos adequados e as altas taxas de juros.

No comunicado assinado pelo diretor-presidente João Pinheiro Nogueira Batista, a Marisa menciona o acompanhamento das iniciativas do governo federal voltadas ao setor varejista no Brasil. Com isso, esse acompanhamento tem o objetivo de combater a concorrência desleal e restabelecer a igualdade tributária.

A empresa considera que teve resultados positivos no primeiro trimestre de 2023 em sua operação de varejo, registrando um crescimento de 1,3% na receita líquida em comparação com o mesmo período do ano anterior, totalizando R$ 440,5 milhões.

Contudo, apesar do fechamento de 14 lojas entre dezembro de 2022 e março de 2023, a Marisa obteve um desempenho melhor nas vendas em lojas físicas, com um aumento de 5% no faturamento.

No entanto, houve uma queda de 32,5% no faturamento das vendas pelo canal digital, com uma receita bruta de R$ 43,1 milhões no primeiro trimestre de 2023, em comparação com os R$ 63,8 milhões registrados no mesmo período do ano anterior.

Como resultado final, a empresa teve um prejuízo líquido de R$ 148,9 milhões, representando um aumento de 64,2% em comparação com o mesmo trimestre de 2022.

Varejista já havia anunciado fechamento de unidades em 2023

A rede de departamento Lojas Marisa (AMAR3), uma das principais empresas de varejo de moda do Brasil, anunciou que irá fechar algumas de suas unidades ao longo do ano de 2023. De acordo com a empresa, a decisão faz parte de um plano de reestruturação que tem como objetivo tornar a operação mais eficiente e rentável.

Marisa informou que ainda não tem uma lista definitiva das lojas que serão fechadas, mas que o processo de mapeamento já está em andamento. A empresa afirmou que vai priorizar o encerramento de unidades que estejam com baixo desempenho financeiro ou que estejam em locais com alta concorrência.

Descubra o mundo dos negócios e economia! Siga-nos no Instagram @mercadohoje.uai e tenha acesso a conteúdos exclusivos, oportunidades e informações privilegiadas. Junte-se a nós agora e não perca nenhuma novidade do mercado!

Continue lendo