Conecte-se conosco

Ações

Petrobras anuncia alta na gasolina e no Diesel

Publicado

em

O conselho de administração da estatal autorizou seus dirigentes a aplicarem reajustes no preço dos combustíveis. Dessa forma, a Petrobras anuncia alta na gasolina e no diesel, ações despencaram.

A gasolina passa a custar R$ 4,06 o litro nas refinarias da estatal, e o diesel, R$ 5,61 o litro, uma alta de 5,2% e 14,2% respectivamente. Os preços valem a partir de hoje 18/06.

Tensão entre o governo de Bolsonaro e a Petrobras

A alta no preço dos combustíveis tem gerado atrito entre a Petrobras e o governo neste ano. O presidente da República, Jair Bolsonaro, critica a companhia pelos altos lucros e distribuição de dividendos bilionários, e vinha pedindo para que novos reajustes não fossem feitos.

Após o reajuste, Bolsonaro se manifestou em suas redes sociais criticando a decisão da estatal:

“O Governo Federal como acionista é contra qualquer reajuste nos combustíveis, não só pelo exagerado lucro da Petrobrás em plena crise mundial, bem como pelo interesse público previsto na Lei das Estatais. “

“A Petrobrás pode mergulhar o Brasil num caos. Seus presidente, diretores e conselheiros bem sabem do que aconteceu com a greve dos caminhoneiros em 2018, e as consequências nefastas para a economia do Brasil e a vida do nosso povo. “

Em outro tuíte, o presidente também chamou lucro da estatal de “exagerado”, novamente, ressaltando que a empresa tem uma função social.

Ações ON e PN despencam no Ibovespa

No mercado acionário, a reação do reajuste não foi boa no mercado financeiro. As ações da Petrobras despencaram 7,25%, a R$ 29,93 (PETR3), e 6,09%, a R$ 27,31 (PETR4).

Apesar do cenário adverso para a companhia estatal, com preços ainda defasados e em crise o governo, especialistas alertam para oportunidades de compra das ações da Petrobras.

Petrobras diz em nota que é sensível a momento que País e o mundo enfrentam

A Petrobras não cedeu às pressões políticas ligadas ao presidente da República, Jair Bolsonaro, e anunciou aumento dos preços do diesel e da gasolina nesta sexta-feira, 17. Em nota enviada à imprensa, a estatal afirmou que “é sensível ao momento que o Brasil e o mundo enfrentam”, de alta de preços, rebatendo as declarações de Bolsonaro nas últimas semanas.

Na quinta-feira, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), chegou a dizer que a Petrobras “declarou estado de guerra ao povo brasileiro”, e que a empresa age como “inimiga do Brasil”.

Continue lendo