Conecte-se conosco

Mercado

Investimento em startups e IA para negócios são tema da InvestSmartXP

Publicado

em

Investimento em startup e IA é futuro

O evento InvestSmartXP, realizado na última quinta e sexta-feira (10 e 11 de fevereiro) trouxe algumas novidades no mundo dos investimentos. Dentre elas o investimento em startups e IA para administrar homebrokers foi destaque. ESG e criptoativos também foram tema de palestras.

EqSeed facilita investimento em startups

Fundada em 2014, a EqSeed é a principal empresa que facilita o investimento em startups por pessoas físicas e jurídicas por meio de Equitys. Essa forma de investimento, também considerada de renda variável, permite que pessoas com aportes baixos aproveitem o crescimento exponencial de startups.

“As pessoas as vezes querem a oportunidade de participar de algo grande. Quando a NuBank, por exemplo, estava se capitalizando, as rodadas ficaram na mão de grandes acionistas. A EqSeed busca aumentar a democratização a essa forma de investimento”, diz Brian Begnoche, sócio-fundador da empresa.

O que é um investimento em Equity

Equity’s são participações em empresas privadas que não estão listadas no mercado de ações. Assim, um acionista teria direito a distribuição dos lucros, mas menos liquidez ao não poder negociar essa participação na B3 através de uma plataforma de homebroker.

Empresas usam IA para dar mais inteligência no investimento

Alguns estandes mostraram o próximo passo na operação de homebrokers e tomada de decisão no mundo dos investimentos: o uso de Inteligências Artificiais. Empresas como a Quantiz, de soluções para homebrokers, estão aplicando IA’s para agilizar a informação e o acesso de diferentes agentes a tomadas de decisão inteligentes.

As soluções usam computação quântica e análise probabilística para entregar tendências aos operadores. A Quantiz, por exemplo, se baseia em modelos estatísticos para encontrar vendas acima ou abaixo do normal. “Quando encontramos uma venda muito acima do normal, ou muito abaixo, sabemos que estamos falando de informação privilegiada. O trader já sai com uma vantagem”, diz Rafael, funcionário presente no estande.

Continue lendo