Mercado Hoje

Ibovespa sofre realização de lucros e volta a marca dos 129 mil pontos

No dia de ontem, 08/06, o Ibovespa interrompeu sua sequência de altas e fechou o dia em 129.787 pontos.

Após 8 dias de altas consecutivas, os setores bancários e de energia foram os que mais afetaram o índice na ponta negativa.

De acordo com analistas, a queda de 0,76% da bolsa brasileira pode ser atribuída à realização de lucros de investidores após as renovações de máximas históricas do índice.

Com isso, as perspectivas gerais permanecem de tendência de alta para os ativos de risco no Brasil.

Nos EUA, os índices DJIA e S&P500 performaram perto de suas estabilidades enquanto o índice NASDAQ encerrou em alta de 0,31%.

Já o dólar, segue na casa dos R$5 reais, ponto de suporte psicológico para investidores.

A moeda americana, que vem apresentando tendência de desvalorização contra o real, fechou o dia em leve queda de 0,04%, a R$5,03.

Ainda de acordo com analistas, caso o dólar rompa o suporte dos R$5 reais, poderá chegar a casa dos R$4,80.

Esse movimento pode ser justificado pelos fortes estímulos monetários disponibilizados pelo Governo Americano e pela política de manutenção de taxas de juros perto dos 0% no país.

Adicionalmente, as recentes altas da taxa SELIC no Brasil também contribuem para esse movimento.

No dia de hoje, a Europa amanhece em leve queda (EUROSTOXX a -0,12%) enquanto os futuros americanos operam em direções mistas, com destaque para o índice NASDAQ, em alta de 0,11% às 06:30.

Notícias importantes para hoje

  • Disponibilização do Índice Primário de Sentimento do Consumidor do Brasil (Reuters);
  • Roberto Campos Neto (presidente do Banco Central) sinaliza preocupação sobre a inflação brasileira no curto prazo – Investidores especulam que um aumento na taxa SELIC mais forte pode ocorrer na próxima reunião do COPOM – Com isso, enquanto os juros de curto prazo sofreram leve alta, a curva de juros mais longa teve desvalorização.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Tags:
Categorias:
Mercado