Mercado Hoje

Mercado de ações segue tendência de alta e mira para sua máxima histórica

Após um dia volátil no mercado de ações brasileiro, o principal índice da bolsa fechou o dia com 0,34% de alta, a 120.700 pontos.

Seguindo a tendência de alta mas com forte resistência nos 121 mil pontos, o Ibov testou este patamar, mas perdeu força a partir das 13:30 de ontem (15/04).

Conforme dito aqui e reafirmando a análise da Eleven Financial, algum gatilho positivo será necessário para que o nosso mercado se estabilize acima dos 121 mil pontos.

No cenário internacional, a bateria de resultados corporativos, indicadores econômicos e alta nas commodities marcam novas máximas nos principais mercados mundiais:

  • S&P 500 (EUA): +1,11%;
  • NASDAQ (EUA): +1,31%;
  • EURO STOXX (EUR): +0,45%
  • FTSE-100 (Londres): +0,63%
  • DAX-30 (Alemanha): +0,30%

O destaque para o dia de ontem ficou para o aumento nas vendas do varejo e queda nos pedidos de seguro desemprego.

Além disso, os resultados de grandes bancos e de empresas na Europa também contribuíram para este movimento.

Já o dólar, obteve mais uma queda frente ao real, fechando o dia em R$5,63 (-0,76%).

Voltando ao Brasil, investidores seguem cautelosos em relação ao Orçamento de 2021. De acordo com a XP, o presidente Jair Bolsonaro deverá vetar, parcialmente, as propostas adicionadas por parlamentares para o plano financeiro.

Nesse sentido,a tendência apontada pela ala política do governo é que preserve R$16,5 bilhões das emendas parlamentares.

A decisão pode ser tomada pelo presidente Bolsonaro até hoje, para que haja tempo de ser efetivada.

Além de todas as questões envolvendo a pandemia, o Orçamento para 2021 tem sido um dos principais drivers para o mercado financeiro interno.

O motivo da preocupação de investidores está voltada ao risco do presidente cometer crime de responsabilidade fiscal caso aprove um plano com pouco espaço para as despesas obrigatórias do Governo.

Já o mercado hoje amanhece estável nos EUA, com os principais índices futuros tendo performances mistas.

O principal índice europeu trabalha em 0,41% de alta, às 7:45, seguindo o otimismo no continente.

Destaque para o dia de hoje fica com o PIB da China, que veio levemente abaixo das expectativas do mercado, mas com alta recorde de 18,3% (expectativa era de 19,2%).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.