Conecte-se conosco

Ações

The Body Shop é vendida por US$ 254 milhões pela Natura

Filipe Andrade

Publicado

em

The Body Shop é vendida por US$ 254 milhões pela Natura

A Natura (NTCO3) divulgou hoje que firmou um acordo vinculante com a Aurelius Investment Advisory Limited para vender a Natura (Brasil) International B.V., empresa holding da The Body Shop, por aproximadamente US$ 254 milhões.

A transação, sujeita a aprovações regulatórias usuais, deve ser concluída até 31 de dezembro de 2023. A Natura destacou que o preço de venda, incluindo um potencial valor contingente “earn-out” de 90 milhões de libras. Nesse sentido, o valor será pago ao longo de até cinco anos.

Para otimizar operações e simplificar negócios, a Natura &Co busca focar em prioridades estratégicas, como a integração da Natura e Avon na América Latina, o modelo de venda direta e a otimização adicional da presença internacional da Avon, conforme mencionado em comunicado relevante.

Aquisição da The Body Shop pela Natura

Em 2017, a Natura adquiriu a The Body Shop da L’Oreal por 1 bilhão de euros (cerca de US$ 1,07 bilhão). Agora, a venda ocorre por menos de um quarto desse valor.

A The Body Shop, estabelecida na Inglaterra em 1976, opera em mais de 70 países com aproximadamente 2,8 mil lojas. Além disso ela oferece produtos para cabelo, rosto, corpo e maquiagem, conforme dados da Natura. No segundo trimestre, a receita da The Body Shop teve uma queda de 12,5% em relação ao mesmo período de 2022, totalizando R$ 800,3 milhões.

Com a conclusão desta transação, a Natura espera aprimorar sua eficiência e direcionar seus esforços para áreas estratégicas. Ainda mais, ela espera consolidar sua presença global e impulsionando a sinergia entre suas marcas.

Outros negócios entre as empresas

A Natura &Co (NTCO3) anunciou nesta segunda-feira (3) que assinou um acordo vinculante com a L’ Oréal para a venda da marca Aesop. Nesse sentido, pelos termos acordados, o negócio é avaliado em US$ 2,525 bilhões.

“A transação irá suportar a desalavancagem financeira da Natura &Co e posicioná-la para focar em suas prioridades estratégicas, especialmente na integração na América Latina, assim como na otimização geográfica da Avon Internacional e melhora continua da The Body Shop, com rígida disciplina financeira”, afirmou a companhia em comunicado.

Continue lendo