Conecte-se conosco

Internacional

Threads: A nova rede social que desafia o Twitter

Filipe Andrade

Publicado

em

Threads: A nova rede social que desafia o Twitter

O Instagram lançou o Threads nesta quarta-feira (5), uma nova rede social que visa competir com o Twitter, que recentemente anunciou um limite temporário para a leitura de posts.

Nesse sentido, o Threads está disponível para Android e iPhone (iOS) e aproveitará a base de usuários de seu aplicativo-irmão para expandir sua presença. Nessa nova rede social, os usuários podem fazer login e encontrar amigos através de suas contas no Instagram. Do mesmo modo, o instagram possui mais de 2 bilhões de usuários.

Threads e a conexão com o Instagram

Aqueles que conectarem as duas contas terão o número de inscrição no novo aplicativo exibido em sua bio do Instagram. Ainda mais, Mark Zuckerberg, por exemplo, foi o primeiro a ingressar no Threads.

Em termos de funcionalidade, o Threads é anunciado como um espaço para “atualizações em tempo real e conversas públicas” e se assemelha bastante a plataformas como Twitter, Bluesky e Mastodon. Contudo, ele permite a postagem de conteúdos com até 500 caracteres, além de links, fotos e vídeos de até 5 minutos. Os usuários também podem curtir, comentar e compartilhar as postagens de outras pessoas.

Uma diferença em relação ao Twitter é a ausência da seção de trending topics no Threads, que mostra os assuntos mais comentados na rede. Segundo a nova rede social, esse recurso será lançado no futuro.

Os usuários do Threads têm o controle sobre quem pode responder às suas postagens – todos, apenas seguidores ou somente contas mencionadas – e possuem recursos de segurança, como um filtro que oculta termos específicos nos comentários. Além disso, os usuários bloqueados no Instagram também serão bloqueados no novo aplicativo.

Inicialmente, o lançamento do Threads estava programado para a quarta-feira (6), às 11h, mas o Instagram decidiu antecipá-lo para a quarta-feira (5), às 20h.

O Instagram afirmou que está trabalhando para tornar o Threads compatível com redes sociais abertas por meio do padrão aberto ActivityPub, utilizado pelo Mastodon. Isso significa que mesmo aqueles que não possuem o Threads poderão seguir e interagir com as pessoas presentes na rede social.

Elon Musk e o Twitter

Elon Musk, que comprou o Twitter por US$ 44 bilhões, anunciou no último sábado (1º) que a rede social teria um limite temporário para a leitura de posts. Com essa alteração, os usuários não verificados podem ler no máximo 1.000 tuítes por dia.

Além disso, para ter o direito de ler até 10.000 postagens diariamente, o limite mais alto estabelecido pela empresa, é necessário ter uma conta verificada por sua relevância ou assinar o Twitter Blue, a versão paga da rede social que custa R$ 42 por mês.

Continue lendo