Conecte-se conosco

Ações

Netflix demite centenas de funcionários

Avatar photo

Publicado

em

A Netflix (NFLX34), provedora global de filmes e séries de televisão via streaming, anunciou demissão de centenas de funcionários.

A princípio, a companhia demitiu 300 funcionários nesse mês, enquanto outros 150 já haviam sido desligados no mês anterior.

Nesse sentido, os desligamentos tomam conta da empresa tendo em vista a diminuição do crescimento da receita.

Mudanças na Netflix

Ademais, a empresa ressaltou gratidão aos funcionários e que pretende ajudá-los na transição de carreira.

Considerando que o business possui 11 mil funcionários, as alterações dizem respeito a aproximadamente 3% do quadro da empresa.

Recentemente, a Netflix perdeu assinantes pela primeira vez em mais de uma década.

Nessa mesma linha, em Fevereiro de 2022 o Facebook (META) viu suas ações despencando por causa da perda, inédita, de usuários diários ativos.

Assim, a rede de Zuckerberg teve queda de aproximadamente 500 mil usuários ativos diários globalmente no trimestre em questão.

Colocando em números: nos três meses finais de 2021, 1,929 bilhão de pessoas usavam a plataforma. Mas, nos 90 dias antecedentes, o número era superior: 1,930 bilhão.

Pode parecer uma diferença pequena, mas deixou diversos analistas financeiros alarmados.

Além disso, com tais dados, já especula-se que, possivelmente, a receita dos primeiros meses de 2022 do conglomerado poderá vir abaixo do esperado pelo mundo financeiro. A própria Meta sinalizou isso.

Com isso, os acionistas sofreram perdas significativas. Em seguida à divulgação, as ações do grupo tiveram queda de mais de 20%.

O bilionário Mark Zuckerberg, fundador do négocio, viu sua fortuna afundar US$ 29 bilhões, segundo a Forbes.

Já a Meta, perdeu mais de US$ 200 bi em valor de mercado. Foi a maior queda da história da bolsa americana.

Continue lendo