Conecte-se conosco

Ações

Petrobras (PETR4): Bolsonaro diz que estatal pode quebrar o país

Publicado

em

A Petrobras (PETR4), segundo o presidente Jair Bolsonaro, pode quebrar o país casa haja novos aumentos dos combustíveis, principalmente o diesel. Essa fala se dá, pelos constantes aumento dos preços dos combustíveis que elevam a inflação do país. Além disso, o pré-candidato, falou que os governadores estão querendo fazer caixa com ICMS mesmo já tendo recursos.

Recentemente foi aprovado, pela câmara dos deputados, a redução do teto para alíquotas de ICMS. Do mesmo modo, a nova lei classifica combustíveis, energia elétrica, gás natural, comunicações e transporte coletivo como bens e serviços essenciais, implicando em um teto entre 17% e 18% para a cobrança do ICMS.

Entretanto, o projeto de lei segue para apreciação e aprovação no Senado federal.

Petrobras (PETR4): nova troca de presidente

A escolha de um novo presidente para a Petrobras traz a luz a insatisfação do governo com a política de preços de combustível. Adicionalmente, fica mais claro que existe uma agenda com viés populista do Presidente, uma vez que a alta dos preços da gasolina foi um dos principais fatores de stress da inflação para o mês de abril.

Caio Paes de Andrade (de acordo com a CNN) tinha o cargo de secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital no Ministério da Economia. Adicionalmente, além de ser um homem da confiança de Guedes, que já tinha tentado a presidência da Petrobras, Paes de Andrade também é do círculo mais próximo a Sachsida, atual ministro de Minas e Energia.

Corte do gás boliviano

A Petrobras sofreu um corte de gás natural da empresa boliviana Yacimientos Petrolíferos Fiscales Bolivianos (YPFB).

De acordo com a nota declarada, a empresa informou que recebeu, em média, cerca de 14 MM m³/dia da YPFB no mês de maio, o que corresponde a um volume 30% abaixo do contrato acordado com a boliviana.

Pagamento de mais dividendos

A Petrobras (PETR4) divulgou fato relevante sobre a aprovação do pagamento de dividendos complementares para seus acionistas. Além disso, em comunicado divulgado em 10 de maio de 2022 informa que os dividendos são referentes aos resultados do exercício de 2021.

Bem como, o valor unitário por tipo e classe de ação será de R$ 2,8610762 por ações ordinárias (ON) e preferenciais (PN). Ainda mais, será pago R$ 0,1091725 a título de atualização pela taxa Selic do período de 31/12/2021 até o dia 16/05/2022.

Sobre o valor correspondente à atualização monetária, incidirá imposto de renda à alíquota de 22,5%, conforme legislação vigente.

Continue lendo