Conecte-se conosco

Educação Financeira

Solarvolt: energia solar e a redução dos custos do agronegócio

Avatar photo

Publicado

em

ENERGIA SOLAR COMO ALIADA DO AGRONEGÓCIO

A princípio, a energia solar pode ser uma grande aliada do agronegócio quando o tema é redução de custos.

Nesse sentido, conforme apontou o relatório Energy, Agriculture and Climate Change, da Organização das Nações Unidas – Alimentação e Agricultura (FAO), 30% da demanda energética do mundo é destinada para a cadeia agrícola.

Sendo assim, devido à grande quantidade de energia que o setor consome, é do interesse dos agricultores uma energia mais barata.

A energia solar como aliada do agronegócio

De acordo com a Solarvolt, empresa mineira de energia fotovoltaica, esse tipo de energia vem sendo usada em diversos setores, e vem ganhando cada vez mais espaço no mundo agro.

Motivo disso é a significativa redução nos custos com eletricidade que ela proporciona.

Redução mensal de R$ 26.500

A Solarvolt, que é a maior integradora solar de Minas Gerais e uma das principais do país, aponta um caso em que essa redução foi observada.

Dessa forma, nas fazendas de leite e café da Laticínio Curral de Minas, as instalações reduziram o valor mensal das contas de drasticamente.

A produção foi de 48.180 KWh/mês e a economia de R$ 26.500.

Além disso, há também o benefício do rápido retorno dos investimentos da geração de energia.

Em média, o retorno é de aproximadamente 05 ano.

Ademais, sistemas fotovoltaicos possuem vida útil de cerca de 25 anos, demandam baixa manutenção e interferem pouco na instalação elétrica pré-existente.

Ou seja, funcionam de forma independente e com baixa possibilidade de interrupções ou apagões.

Ainda, a fonte contribui fortemente para o desenvolvimento sustentável no campo e para a diversificação da matriz energética do país.

Acesse aqui o site da Solarvolt.

Continue lendo