Mercado Hoje

Ibovespa fecha em queda com greve de servidores federais no radar

Instabilidade Ibovespa 08/03

Nesta segunda-feira 17/01, o Ibovespa, principal índice de ações da bolsa de valores brasileira, fechou em queda de 0,52%. Nesse sentido, a possível greve dos servidores federais está no radar de investidores e contribuiu com a queda do índice.

Além disso, os destaques positivos de segunda-feira ficaram por conta de Cielo (CIEL3), Qualicorp (QUAL3) e TIM (TIMS3). Ainda mais,o destaque negativo ficou por conta de Braskem (BRKM5) que fechou em queda de 6,73%.

Os índices americanos Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq não abriram devido ao feriado do Dia de Martin Luther King Jr.

O dólar fechou em R$5,52, alta de 0,24% frente ao real, com investidores acompanhando a alta dos juros futuros americanos.

1. Mercados globais

Hoje os mercados europeus amanhecem negativos com o EURO STOXX em queda de 0,92% às 09:00. Do mesmo, investidores as tensões geopolíticas que continuam na Ucrânia.

Nos EUA, os mercados futuros operam negativos, com o DJIA em queda de 0,81% e o índice NASDAQ cai 1,81%.

Na China, a bolsa de Shangai fechou em alta de 0,8%, após divulgação dos dados de produção industrial que mostram forte crescimento chinês.

2. Sobre o COVID

Mais de 345,2 milhões de vacinas foram aplicadas até o dia 17/01 no Brasil, com número médio de mortes em alta e os números de novos casos em tendência de alta. Adicionalmente, 68,57% da população brasileira recebeu a segunda dose ou vacina de dose única.

3. Notícias importantes de hoje

A mineira MRV (MRVE3), informou que obteve recorde histórico de vendas líquidas. Adicionalmente, as vendas líquidas totais da construtora, chegaram ao valor de R$ 8,1 bilhões em 2021.

A gigante Petrobras (PETR4), divulgou um novo recorde anual de produção no pré-sal. Ainda mais, a petroleira informa que atingiu a produção de 1,95 milhão de barris de óleo equivalente por dia em 2021.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.