Mercado Hoje

Bolsa de valores sobe mesmo com queda no PIB brasileiro

Mercado Financeiro

Nesta quarta-feira, 01/09, o Ibovespa, principal índice de ações da bolsa de valores brasileira, fechou em alta de 0,52%, após divulgação do PIB do segundo trimestre que veio negativo em 0,1%, o que pode fazer com que o Banco Central não suba os juros conforme o esperado.

Os destaques positivos de quarta-feira ficaram por conta de Marfrig (MRFG3), B2W Digital (AMER3), e Eneva (ENEV3), com BRF (BRFS3) finalizando a compra das empresas de ração para pets Mogiana Alimentos e Grupo Hercosul por R$ 1,35 bilhão.

Os índices americanos S&P500 e Nasdaq fecharam em alta de 0,03% e 0,33% respectivamente, com o Nasdaq em máxima histórica, já o Dow Jones fechou em queda de 0,14%, com mercado no aguardo dos dados de empregos americanos a serem divulgados nesta sexta.

O dólar fechou em R$5,18, alta de 0,20% frente ao real, na expectativa da divulgação dos dados de pedido de auxílio desemprego no Estados Unidos.

Mercados globais:

Hoje os mercados europeus amanhecem negativos com o EURO STOXX em leve baixa de 0,04% às 09:00, com divulgação dos dados da inflação mais alta na zona do euro.

Nos EUA, os mercados futuros operam positivos, com o DJIA em alta de 0,16% e o índice NASDAQ subindo 0,25%.

Na China, a bolsa de Shangai fechou em alta de 0,85%, com destaque para empresas do setor de serviços.

Sobre o COVID:

Mais de 195,7 milhões de vacinas foram aplicadas até o dia 01/09 no Brasil, com números médios de mortes abaixo de 700 pelo sétimo dia seguido e de novos casos em queda. Adicionalmente, 29,79% da população brasileira recebeu a segunda dose ou vacina de dose única.

Notícias importantes de hoje:

A empresa especializada em galpões logísticos, Fulwood, registrou a CVM (Comissão de Valores Mobiliários seu pedido de oferta inicial de ações (IPO) na busca de recursos para financiar projetos de expansão.

A companhia Vittia (VITT3) estreia suas ações na bolsa de valores hoje (02/09), após precificar o preço da ação em R$8,60 em oferta restrita. Além disso, a empresa é especializada área de defensivos biológicos e fertilizantes especiais.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.