Mercado Hoje

Bolsa de valores cai ao patamar dos 116 mil pontos em dia com grande volatilidade

Nesta quarta-feira, 18/08, o Ibovespa, principal índice de ações da bolsa de valores brasileira, fechou em queda de 1,07%, retornando ao patamar de 116 mil pontos, terceira queda consecutiva na semana com stress político influenciando o índice.

Os destaques positivos de quarta-feira ficaram por conta de Cogna Educação (COGN3), Braskem (BRKM5), e Embraer (EMBR3), com Embraer valorizando cerca de 112,43% no ano.

Os índices americanos Dow Jones, S&P500 e Nasdaq fecharam em queda de 1,08%, 1,07% e 0,89% respectivamente, após a divulgação da última ata reunião de política monetária americana do FOMC que informa que os EUA vão retirar os estímulos mais rápido do que o esperado.

O dólar fechou em R$5,37, alta de 1,99% frente ao real, com expectativa de retomada da economia mundial não tão rápida conforme informado na ata do FOMC.

Mercados globais:

Hoje os mercados europeus amanhecem negativos com o EURO STOXX em baixa de 2,03% às 09:00, com forte aversão ao risco dos investidores que impacta nas bolsas da Europa.

Nos EUA, os mercados futuros operam em queda, com o DJIA caindo 0,83% e o índice NASDAQ em queda de 0,58%.

Na China, a bolsa de Shangai fechou em baixa de 0,57%, com temores de uma regulação de setores pelo governo chinês.

Sobre o COVID:

Mais de 171,3 milhões de vacinas foram aplicadas até o dia 18/08 no Brasil, com números médios de mortes e de novos casos em contínua queda. Adicionalmente, 24,77% da população brasileira recebeu a segunda dose ou vacina de dose única.

Notícias importantes de hoje:

A companhia Mercado Livre (MELI34), informou que fez um acordo para compra da empresa Aleph Group por cerca de US$25 milhões. Adicionalmente, a Aleph Group é especializada em mídia digital buscando conectar os maiores players de mídia digital com os anunciantes, sendo seus principais parceiros Twitter, Spotify, Snapchat, LinkedIn, TikTok e Facebook.

A Duratex (DTEX3), empresa especializada em produção de painéis de MDF e MDP, passou a se chamar Dexco e vai alterar seu ticker na Bolsa para DXCO3 a partir desta quinta-feira (19/08).

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.