Mercado Hoje

Com semana turbulenta nos mercados mundiais, Ibovespa fecha semana mais curta em queda

Na sexta-feira, 09/07, não houve pregão devido ao feriado em São Paulo. O principal índice de ações brasileiro (Ibovespa) fechou a semana com queda de 1,79%, com mercados mundiais em grande turbulência.

No cenário internacional, S&P500, Dow Jones e Nasdaq subiram 1,13%, 1,30% e 0,98% respectivamente. Os índices renovaram suas máximas históricas. Nesta semana começa a temporada de balanços no mercado americano.

O dólar fechou em R$5,26, com recuo de 0,37% frente ao real, após oito altas consecutivas.

Hoje os mercados europeus amanhecem em queda.

O EURO STOXX trabalha em leve baixa de 0,04% às 09:00.

Nos EUA, os mercados futuros operam mistos, com o DJIA em baixa de 0,33% e o índice NASDAQ em alta de 0,20%.

Na China, a bolsa de Shangai opera no positivo de 0,67%, com pequena recuperação iniciada na sexta-feira, após uma semana com muita volatilidade.

Sobre o COVID, mais de 114,3 milhões de vacinas foram aplicadas até o dia 04/07 no Brasil, com números médios de mortes e contaminações em contínua queda. 14,4% da população brasileira recebeu a segunda dose ou vacina de dose única, com governos estaduais informando que vão vacinar toda a população vacinável mais cedo do que o previsto.

Notícias importantes de hoje

Às 08:30h foi divulgado pelo IBGE o relatório Focus, com a expectativa do mercado de alta de 6,11% para a inflação (IPCA) em 2021 alta de 0,04% em relação a semana passada. O PIB teve aumento de 0,08% em relação a semana passada, com expectativa de 5,26% ao final do ano. A previsão para o dólar subiu para R$5,05 ao final de 2021, após algumas semanas com a previsão em recuo. A previsão da Selic voltou a subir com expectativa de 6,63% no final do ano, ante 6,50% na semana passada.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Mercado